Acesso

Acesso

O Ingresso na FAU/UFRJ decorre de concurso vestibular, transferência, isenção de vestibular, convênio cultural e cortesia diplomática. O ingresso se concretiza com a matrícula, que é a vinculação do aluno à Universidade por intermédio de um centro universitário. Informações sobre matrícula podem ser obtidas junto ao Centro em cujo âmbito se inclui o curso pleiteado.

Formas de Ingresso

É a principal via de ingresso aos cursos de graduação da UFRJ. Podem candidatar-se à vaga os interessados que estejam cursando a última série do ensino médio ou quem já possui certificado de conclusão do segundo grau ou equivalente.

Responsável: Comissão Executiva do Concurso de Seleção/PR-1 (Pró-Reitoria de Graduação da UFRJ).
Os alunos regularmente matriculados em instituições de ensino superior nacionais ou estrangeiras que desejem continuar seus estudos na UFRJ, podem ser aceitos, desde que respeitados os critérios estabelecidos para o processo de transferência.

Responsável: Decania do Centro de Letras e Artes

Modalidades:

Transferência de Servidor Público Federal (ex-officio) - obrigatória, independente de vaga e de prazo para requerer. São beneficiários: o servidor público federal da administração direta ou indireta, civil ou militar, transferido ou removido ex-officio, com a obrigatória remoção de domicílio e de lotação para a cidade do Rio de Janeiro; o cônjuge e os dependentes do servidor, como caracterizado no ítem anterior, até a idade de 24 anos, mediante comprovação; o funcionário amparado pelo Regime Jurídico Único (Lei no 8112, de 11/12/90). Transferência de Servidor Público Federal (a pedido) - facultativa, independente de vaga, desde que requerida dentro dos prazos estabelecidos. São beneficiários:a) o servidor público federal da administração direta ou indireta, civil ou militar, nomeado, transferido ou removido, a pedido, para a cidade do Rio de Janeiro ou que retorne ao Rio de Janeiro por reforma, aposentadoria, término de missão no exterior ou de mandato legislativo; b) o cônjuge e os dependentes do servidor, como caracterizado no item anterior, até a idade de 24 anos, mediante comprovação.

Transferência facultativa - dependente de vaga e de prazo. São beneficiários: Os casos não abrangidos nos itens anteriores, desde que o candidato seja aprovado em concurso público, de acordo com as normas divulgadas no "Edital de Transferência", publicado, semestralmente, em jornais de grande circulação no Rio de Janeiro. Os alunos que ingressarem por Vestibular na UFRJ e que dela se tenham transferido, ao pleitearem retorno, poderão ser enquadrados nesta modalidade de transferência.
É permitida a matrícula na Universidade de graduados em curso superior de estabelecimentos autorizados pelo MEC e dos concludentes de curso fundamental das academias e escolas militares, consideradas de nível superior, com isenção de vestibular, desde que haja vaga.
Responsável: Decania do Centro de Letras e Artes
A UFRJ, através de programas de intercâmbio cultural e de cortesia diplomática, recebe estudantes estrangeiros nos seus diversos cursos de graduação, visando à formação de recursos humanos em cooperação com os países em desenvolvimento. Os programas referentes aos estudantes estrangeiros são regidos por legislação específica. Existem, no entanto, alguns pontos em comum como, por exemplo, o ingresso na Universidade com isenção do exame vestibular e a restrição ao exercício profissional em nosso país.
A coordenação dos programas em nível de graduação está sob a responsabilidade da Seção de Seleção e Orientação da Divisão de Ensino /PR-1.